Get Adobe Flash player

O Site no Cotidiano

Ant Prox

Povo da Gente

Abraão Cavalcanti vistoria com a Secretária da SEINFRA a conclusão do Saneamento do trecho final da Rua Compositor Rosil Cavalcanti. O término desta Obra viabilizará a conclusão de sua pavimentação e a interligação do Jardim Planalto com a BR - 101/230.

Fotos - Joserly Lyuiz - Ano: 2002

O Saneamento do trecho final da Rua Compositor Rosil Cavalcanti - nas intermediações do Colégio Infantil Cecília Meireles -, em fase de execução, permitirá finalmente a conclusão da obra de pavimentação em paralelepípedos da referida artéria no Jardim Planalto.

Abraão Cavalcanti – líder do Bairro retromencionado e dirigente da Associação dos Moradores do Jardim Planalto -, tem acompanhado o processo de negociação dessa demanda desde o seu início, principalmente, na companhia de outros membros da AMJP. Ele adiantou que: “as ações efetivas iniciadas e também empreendidas pela PMJP, obviamente, depois de solicitadas por quem realmente tem uma ligação estreita com o nosso Bairro, finalmente permite a conquista  de uma obra importante para viabilizar o escoamento das águas pluviais que provocam alagamentos periódicos e localizados no trecho que fica de frente ao Colégio Cecília Meireles”. Segundo Abraão: "Infelizmente, como na Rua Compositor Rosil Cavalcanti - nas intermediações do Colégio Infantil Cecília Meireles -, há um gargalo em forma de depressão que impede a passagem natural e por gravidade das águas pluviais  e servidas provenientes das casas, os alagamentos são inevitáveis em função da falta de uma canalização subterrânea para escoá-las sem traumas, por isso, necessário se fez que esses entendimentos junto a SEINFRA fossem empreendidos de forma colegiada".

A AMJP, através de Comissão, se reuniu na SEINFRA por várias vezes, chegando até mesmo a convocar a Secretária do Órgão para fazer uma vistoria inicial na Rua que estava sendo pavimentada, quando, na oportunidade, Dra Rúbria Beltrão, uma semana depois, compareceu, ao Jardim Planalto foi acompanhada por alguns moradores da Rua Compositor Rosil Cavalcanti, a exemplo do Senhor Marcone de Freitas Azevêdo, fez uma visita por todo o percurso da obra de pavimentação da artéria com o Líder Comunitário Abraão Cavalcanti (Foto Abaixo). 

Posteriormente, a mesma Comissão representou a AMJP na SEINFRA e participou de outras várias reuniões, quando, finalmente, no último encontro, ocorrido também no referido Órgão, foi alcançado o objetivo desejado do grupo, a partir do anúncio que a  Secretária da Pasta fez aos presentes, nos seguintes termos: "agradeço a colaboração de todos durante os encontros, e aproveito para informar a todos que os problemas de acúmulo excessivo de água da parte baixa da Rua Compositor Rosil Cavalcanti estão com os dias contados, já que, graças aos nossos encontros, comunico que as obras serão iniciadas na próxima semana”.

Depois da certeza da execução da obra conforme o planejado, os membros da Associação dos Moradores do Jardim Planalto procuraram os moradores do trecho para explicar as reais razões quanto ao adiamento da pavimentação daquele pequeno trecho. Dessa forma, muitos dos moradores da Rua Compositor Rosil Cavalcanti entenderam que o local realmente carecia de uma intervenção técnica mais efetiva e concordaram em esperar pela conclusão dos serviços de saneamento do Setor para a correção dos problemas de acúmulo exagerado de águas. Representantes do Bairro - liderados por Abraão Cavalcanti e moradores da parte afetada, entenderam, portanto, que a obra de pavimentação total da Rua Compositor Rosil Cavalcanti havia atrasado em função de uma causa coletiva e justa – a correção de outro problema de infra-estrutura que atormenta várias famílias no final da referida artéria.

Dra. Rúbria Beltrão, a pedido de Abraão Cavalcanti, ao fazer uma nova vistoria em todo o percurso da Obra de pavimentação da Rua Compositor Rosil Cavalcanti foi provocada no que concerne a data certa para a entrega do empreendimento e informou: “Esta etapa na realidade demora um pouco, pois compreende, exatamente uma das 3 fases de um projeto de macro-drenagem no Jardim Planalto, que nos comprometemos a fazer em Reunião com os moradores do Jardim Planalto, liderados pelo querido amigo Abraão Cavalcanti". Segue: "São serviços necessários e que se convergem para construção de uma rede interligada sequencialmente através de 3 ramais que receberão, não somente as águas advindas da parte final da Rua Compositor Rosil Cavalcanti, entretanto de outras ruas íngremes do Bairro do Jardim Planalto". Continua: "Essa rede inclusive, evitará que a canalização necessária a solução do problema de alagamento de um trecho passe por baixo dos lotes que ficam com as frentes direcionadas para referida artéria - Rua Compositor Rosil Cavalcanti -, e para a Rua Radialista Geraldo Campos".  Complementa: " O outro trecho que será saneado é o que interliga a BR-101/230 com a Rua Cândido de Sá Andrade no Jardim Planalto e, o último terá a construção de um outro ramal subterrâneo que partindo do início da Rua Cândido de Sá Andrade - BR 101/230, até a Loja de Pneus Da Fonte, também na referida BR".  Finaliza: “devemos aguardar com paciência o final do investimento, afinal, o Jardim Planalto ganhou outro investimento da PMJP, entretanto, a execução não será tão simples como se presume, já que a  de gargalos em redes de drenagem requer etapas distintas e de extrema complexidade".

Clique aqui neste Link e leia outra importante matéria correlacionada com a atual cujo título do artigo é o seguinte: Abraão Cavalcanti e Comissão da AMJP reivindicaram a PMJP a drenagem e pavimentação do acesso ao Jardim Planalto pela BR – 101/230. Com menos de 2 meses depois da audiência a Secretária da SEINFRA autoriza o início da obra e o saneamento do trecho.

Para realizar a obra de saneamento do trecho crítico da Rua Compositor Rosil Cavalcanti, a PMJP, segundo o Dirigente da AMJP José Ribeiro da Silva, Diretor de Infra-Estrutura e de Meio Ambiente da AMJP: “foi negociado um tempo menos prolongado junto à comunidade com a SEINFRA para execução da obra por inteiro, já que,  foram mantidos  entendimentos com  a  sociedade Planaltense para readaptação do cronograma de execução da pavimentação da Rua Compositor Rosil Cavalcanti por acharmos que o empreendimento complementar é bastante relevante”. Continua José Ribeiro, “através da AMJP convencemos a SEINFRA e os Moradores a buscar soluções conjuntas para que fosse possível escoar as águas pluviais e servidas posteriormente  também de forma subterrânea, evitando, inclusive, que essas águas também  passassem por baixo dos terrenos que existem próximos ao Colégio Cecília Meireles”. Na foto Acima, Abraão Cavalcanti - líder do Bairro do Jardim Planalto e articulador da obra de drenagem do trecho da Rua Compositor Rosil Cavalcanti que fica de frente a instituição de ensino referenciada -, e Marcos de Freitas Azevêdo - proprietário do mesmo Colégio -, fiscalizam e observam o andamento dos trabalhos executados sob a supervisão da SEINFRA como parte dos  investimentos que a Prefeitura Municipal de João Pessoa empreende no Jardim Planalto.

Abraão Cavalcanti continuou sua fala dizendo que “com a implantação desses ramais, outros serviços e obras estarão livres de empecilhos estabelecidos há décadas pela PMJP para não asfaltar Ruas, a exemplo da Rua Cândido de Sá Andrade, da Rua Radialista Geraldo Campos e da Rua Engenheiro Ávidos – todas localizadas no Bairro”. Finaliza Abraão: “Como as obras que estão em execução só saíram do papel depois de muita luta e entendimento, vamos torcer para que a PMJP atue de forma equitativa com relação a pavimentação asfáltica das artérias supracitadas em função do que vem ocorrendo em outros Bairros de João Pessoa, já que as Ruas por onde trafegam os transportes coletivos são imediatamente asfaltadas quando os serviços de saneamento básico das artérias são entregues efetivamente pela PMJP, afinal, as lideranças Planaltense terão a nossa solidariedade a qualquer tempo para fazermos juntos mais esta cobrança junto a PMJP, quanto todos os trechos estiverem concluídos, podem esperar.”

Na SEINFRA – durante as várias reuniões -, e principalmente, no dia em que a AMJP obteve a vitória quanto à aprovação de todas as suas demandas, os moradores do Jardim Planalto foram representados por uma Comissão da Entidade composta por pessoas que residiam na referida Rua e por dirigentes da mencionada Entidade, a exemplo do próprio Abraão Cavalcanti (Na Foto ao lado de Camisa Azul - postado de perfil ao lado de Doutora Rúbria Beltrão - Secretária da SEINFRA), de José Ribeiro, Expedito Madruga, João Batista, Melquisedec Cavalcanti – Presidente da AMJP -, Welington Vicente e Marcone de Freitas. Todos Eles testemunharam o fácil acesso que Abraão Cavalcanti tem na PMJP, o qual foi um dos principais interlocutores da demanda no Órgão nesses encontros que finalmente permitiu uma solução cabal para o problema referenciado.


Outras Matérias Relacionadas Publicadas em Jornais Informativos Impressos - Deu na Folha de Oitizeiro – Novembro/Dezembro de 2002:

Infra-Estrutura

Conclusão das Obras na Rosil Cavalcanti

Depois de uma paralisação de dois meses, devido aos estudos objetivando uma melhor drenagem, recomeçaram em ritmo acelerado as obras para a conclusão do calçamento da Rua Compositor Rosil Cavalcanti. A previsão é que ainda no segundo trimestre deste ano a obra seja entregue pela SEINFRA à comunidade.

A Secretária-Adjunta Rúbria Beltrão explicou que os trabalhos, previstos para terminarem  em outubro, atrasou devido a um novo projeto de drenagem no local, evitando assim o empoçamento de lama na confluência com a Rua Cândido de Sá Andrade.

Para terminar, também foi providenciado o saneamento básico até o acesso à BR-230 (veja Quadro à esq.), possibilitando assim que a Cândido de Sá Andrade também seja contemplada no futuro com o asfaltamento.

Rosil Cavalcante é uma das ruas mais importantes do Jardim Planalto, com três escolas, a Igreja Evangélica Cristã e a Igreja Católica. A parte final do calçamento contempla exatamente uma das Escolas, a Cecília Meireles.

“A conclusão das obras é mais uma reivindicação da AMJP foi atendida pela Prefeitura de João Pessoa. Agora, vamos estudar as próximas metas”. Disse o presidente Pedro Paulo de Menezes.

A parte final do calçamento da Rosil Cavalcante beneficia diretamente a escola Cecília Meireles. A rua também ganhou projeto de drenagem.

O Diretor-Proprietário da escola Cecília Meireles, Marcos Azevedo, acompanha as obras de saneamento ao lado de Abraão Cavalcanti. As obras devem terminar nos primeiros meses de 2003, segundo previsão da SEINFRA. Além da Rua Rosil Cavalcante, também foi beneficiada a Cândido de Sá Andrade, que juntamente com a Geraldo Campos e Engenheiro Ávidos já poderão ser asfaltadas.

A Rua Rosil Cavalcanti foi uma das três contempladas com o calçamento no Jardim Planalto – as outras foram a Silvia Bezerra Guedes e Professor Vidal Filho. As obras acabaram atrasando em virtude de a SEINFRA encomendar um novo projeto de drenagem, evitando assim o acúmulo de lama na confluência das ruas Rosil Cavalcanti e Cândido de Sá Andrade.

A pavimentação do trecho da Rua Cândido de Sá Andrade interligando o Jardim Planalto com a BR - 101/230 foi mais uma obra que Abraão Cavalcanti e Dirigentes da AMJP pediram a Dra Rúbria Beltrão para execução na Reunião ocorrida na SEINFRA quando foram aprovados pela Dirigente do Órgão alguns investimentos na área de Infra-Estrutura para o Bairro do Jardim Planalto. Entretanto, no dia da vistoria realizada na Rua Compositor Rosil Cavalcanti, Rúbria Beltrão declarou que: "o momento era extremamente propício para divulgar a data, porém, estava ainda, estudando os custos para que oportunamente, possa fazer de forma responsável o aviso cabal no que concerne a data para o início da  interligação referenciada". Para tanto, Dra Rúbria Beltrão marcou, imediatamente uma nova data para fazer uma visitação no local citado juntamente com Abraão Cavalcanti e membros da AMJP, quando, efetivamente, poderá dar mais uma boa notícia para os Moradores do Jardim Planalto.


Matéria Editada e Postada neste Site Por: Loredana Ramos (Com Abraão Cavalcanti).

Causou Impacto

Ant Prox