Get Adobe Flash player

O Site no Cotidiano

Ant Prox

Povo da Gente

Site - www.abraaocavalcanti.com.br -, cobre evento do PMDB, através do qual, o Deputado Federal Manoel Júnior foi escolhido por unanimidade o futuro Presidente da Sigla, em JP. O suplente de vereador Abraão Cavalcanti, também, ocupará cargo de destaque.

14.06.13 - Abraão Cavalcanti, Suplente de Vereador do PMDB/JP: "Já que eles falam tanto em crise do PMDB eu vou parafrasear o apresentador de TV e humorista global Jô Soares (Citação do mesmo:  "se existe crise é porque é bom"), evidenciando que,  se  o  PMDB  passou - como natural seria, em razão de sua  grandeza -,  por  um momento que os nossos adversários protagonizaram, e eventualmente estimulam - pejorativamente e estrategicamente -, para desestruturar a nossa unidade interna, tem um motivo especial: é porque ele é uma marca registrada de lutas democráticas, ou seja, é um partido de verdade e muito bom. Ninguém estimula crise naquilo  que não existe e/ou que não tem valor, inclusive, se não cntribui com algum dividendo para o (a)  idealizador(a) do fato divulgado. O PMDB é valente e tem um valor incomensurável exatamente por essa razão - por isso, é uma sigla sempre lembrada e relembrada nas rodas políticas de toda a Paraíba, inclusives nas conversas cotidianas dos nossos adversários, seja nos bairros, nos guetos, nas ruas, e, até mesmo nos porões do palácio e do poder...".

Segundo o Presidente da Comissão Provisória do PMDB de João Pessoa - Deputado Federal Manoel Júnior -, a convenção municipal da Sigla, nesta Capital, que definirá finalmente a composição do Diretório Municipal, será realizada até o próximo  dia 17 de julho.

CLIQUE no LINK abaixo e acesse a GALERIA DE FOTOS do EVENTO:

Cobertura do evento do PMDB, através do qual, Manoel Júnior foi escolhido por unanimidade o futuro Presidente da Sigla, em JP.

A data foi determinada pela maioria dos integrantes da Comissão Provisória do partido e referendada no tão esperado encontro da equipe provisória da Sigla, ocorrido ontem, dia 14 de junho (sexta-feira), no decorrer do primeiro encontro coordenado pelo deputado federal Manoel Júnior e logo depois referendada unanimemente pelos atuais suplentes de vereadores do PMDB, pelos vereadores e pelos deputados estaduais e federais que têm base eleitoral consolidadas no âmbito da Capital Paraibana, além, do Tesoureiro do partido na Direção Estadual e do presidente desta - José Maranhão.

Manoel Júnior destacou que o PMDB, vai sim, protagonizar uma mudança radical e significativa no Estado da Paraíba, mas, principalmente, em João Pessoa durante as próximas eleições. Ele afirmou ser a Sigla peemedebista uma Sigla forte na Capital, pois, dispões de lideranças importantes legitimadas nas urnas - a exemplo, dos Deputados Trócolli Júnior e Gervásio Filho, dos vereadores Fernando Milanêz e João Almeida, do Ex-Governador José Maranhão e dos suplentes de vereadores, respectivamente, os mais votados na última eleição, Mangueira, Padre Adelino, Marcos Bandeira, Abraão Cavalcanti, Daniel Chianca, Júnior Frazão, Josué Diesel, Alessandro Barros, Roberto Luna, Josué Diesel, dentre outros.

Manoel Júnior foi taxativo sobre a atual situação do PMDB no que concerne ao apoio dado ao prefeito Luciano Cartaxo (PT) no 2º turno das eleições de 2012, afirmando categoricamente que a Sigla "não está representada na atual gestão da prefeitura de João Pessoa".

Disse ainda Manoel Júnior: “O PMDB não participa da administração municipal. Ajudamos na eleição de Luciano Cartaxo (PT) no segundo turno, eu, inclusive, apoiei e fiz campanha para Luciano Cartaxo em vários Bairros com a colaboração de vários suplentes e lideranças que hoje me apoiam eleitoralmente  e seguem a minha orientação política, através dos quais, promovo atuações constantes nas bases periféricas e centrais da Capital, a exemplo de Mangueira, Abraão Cavalcanti e de Júnior Frazão". Asseverando, apesar dessa atuação firme, verdadeiramente democrática e ética de nossa parte não tivemos a devida atenção quanto a participatividade no governo municipal atual. Entretanto, não desejamos nenhum mal a Ela, mas, muito pelo contrário. Queremos que a gestão do atual Prefeito Luciano Cartaxo dê certo, até porque o PT e o PMDB, não  somente o de João Pessoa, mas, também o de toda a Paraíba, fazem parte de uma aliança nacional e acreditamos que ele vai reconhecer o seu papel de grande líder testado nas urnas que deverá, efetivamente, desempenhar em 2014 no campo das oposições”.

Manoel Júnior também afirmou que "a Secretaria de Desenvolvimento Urbano, comandada pelo companheiro Assis Freire, nunca foi uma indicação do partido, mas, mesmo assim, o PMDB continuará ajudando o governo municipal nessa empreitada de administrar a Capital do Estado, de uma maneira indireta e politicamente correta", acrescentando que "Os vereadores Milanez e João Almeida estão votando com o governo municipal, ajudando a implementar os projetos do atual governo municipal”.

Com a ascensão de Manoel Júnior para comandar a comissão provisória e, posteriormente a Diretoria Executiva Municipal, um dos mais entusiasmado peemedebistas presentes no Diretório da Sigla situado na Avenida Ministro José Américo de Almeida, era o Suplente de Vereador de João Pessoa - Abraão Cavalcanti. Disse ele: "Transmiti a Manoel Júnior, ao ex-governador José Maranhão, ao Deputado Estadual Trócolli Júnior e a todos os vereadores, suplentes e lideranças consolidadas do PMDB de João Pessoa, a minha alegria e satisfação em ver um homem ilibado, probo, valente, municipalista, dedicado, republicano e sereno como Manoel Júnior Presidindo a sigla nos próximos anos".

Abraão Cavalcanti, ao externar a sua fala se dirigindo aos presentes no auditório e aos que faziam parte da mesa das autoridades, a exemplo do Tesoureiro da Executiva Estadual - Dr. Antônio de Souza -, do Deputado Federal Hugo Mota, do ex-prefeito de Campina Grande - Veneziano Vital -, da Deputada Federal Nilda Gondim, do Vereador João Almeida, do Vereador Fernando Milanez, do Ex-Governador José Maranhão, do Ex-Prefeito de João Pessoa, Carlos Mangueira, do Advogado Rooselvet Vita, do Advogado Carlos Fábio, do ex-presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, Carlos Gláucio, e de outras figuras carimbadas da Sigla a exemplo de Dedo Resende (ex-prefeito de Cabedelo), Dr. Flávio Picolli (ex-secretário de Estado e Municipal, além de Professor da UFPB), e dos vários suplentes da Sigla em JP, disse: "Estamos preparados para os próximos embates, você Vené aqui no território paraibano e o seu irmão lá em Brasília - no senado -, serão, principalmente, a partir de 2015, depois das eleições vindouras, literalmente VITAIS para a nossa querida Paraíba. Estamos prontos para palmilhar por todos os quadrantes de João Pessoa, em busca de consolidar um projeto moderno que gere, necessariamente e verdadeiramente desenvolvimento para o nossa humilde estado paraibano". Finalizando, Abraão Cavalcanti, dizendo o seguinte: "O PMDB é uma grife. O lado de lá, cmo bem disse Gervásio Filho, não é lado de lá, mas, em breve, será de cá, também, pois, o Governo não sabe fazer amizade política, Ele usa os políticos, portanto, estaremos recebendo a todos os que voltarem de braços abertos, visto que, aqui, a palavra apartação não existe e sim a palavra inclusão". Concluindo: "Já que eles falam tanto em crise do PMDB eu vou parafrasear o apresentador e humorista global Jô Soares, afirmando que se o PMDB passou por esse momento que os nossos adversários protagonizaram estrategicamente para desestruturar a nossa unidade interna, tem um motivo especial: 'porque ele é uma marca registrada de lutas democráticas, ou seja, é um partido de verdade e muito bom'. Ninguém estimula crise naquilo  que não existe e/ou que não tem valor, inclusive, se não cntribui com algum dividendo para o (a)  idealizador(a) do fato divulgado. O PMDB é valente e tem um valor incomensurável exatamente por essa razão - por isso, é uma sigla sempre lembrada e relembrada nas rodas políticas de toda a Paraíba, inclusives nas conversas cotidianas dos nossos adversários, seja nos bairros, nos guetos, nas ruas, e, até mesmo nos porões do palácio e do poder. Seja onde for, eles estarão sempre preocupados com o PMDB". Continua Abraão Cavalcanti: "Isso é muito salutar, afinal, estamos sendo sempre evidenciados. Mas, fiquem traquilo os peemedebistas históricos, especialmente aquele que não se dobram a caneta da autoridade de plantão ou a outros tipos de moeda de troca - aqui presentes estão muitos dos verdadeiros pemedebistas. As manifestações de desapreço daqueles que fazem uma  política mesquinha e de fundo de quintal contra o PMDB é porque têm mêdo de enfrentá-lo nas urnas e conhecem o seu potencial. As nossas divergências não, essas são resolvidas da maneira como estamos conduzindo este encontro de líderes, com diálogo e na base da democracia, do entendimento. Eles, muito pelo contrário - Vivem em crises eternas, incuráveis e baixam o nível, eventualmente. É dor de cotovelo mesmo. Muitos dos integrantes dessa turma sofrem de depressão política e de esquizofrenia antidemocrática aguda, andam com lexotan no bolso ou na bolsa. Nessa época pré-eleitoral falta até o remédio nas farmácias de João Pessoa. Se preocupam tanto com o PMDB que deixam para resolver os seus problemas de última hora e terminam consumindo anti-depressivos e calmantes durante as ditas reuniões que quase sempre resultam(tarão) em tédio, muitas delas, gerando decepções contumazes para a maioria dos seus integrantes. O PMDB é grande demais, é um exemplo de superação. Viva o PMDB, ou melhor, PMDB neles", bradou, Abraão Cavalcanti.

Abraão Cavalcanti fará parte da Diretoria Executiva Municipal da Sigla pemedebista em JP, em cargo de bastante relevância diante da nova composição proposta como sendo de renovação e de oxigenação partidária, cuja sugestão foi apresentada pelos Deputados Trócolli Júnior e Manoel Júnior, e com o referendo de outras importantes lideranças da Sigla, a exemplo do ex-governador José Maranhão, assim como, pela grande maioria dos seus colegas partidários, com destaque para os atuais suplentes de Vereador do PMDB, a exemplo de Marcos Bandeira, Mangueira e Roberto Luna.

O Deputado Estadual Gervásio Filho (Na foto ao lado do 1º Suplente de Vereador do PMDB - Mangueira -, e dos suplentes Abraão Cavalcanti e Roberto Luna, respectivamente), fez um discurso inteligente em defesa da marca do PMDB, embasado em dados reais consolidados por sua assessoria da ALPB, e de maneira peculiar ressaltou a importância das oposições estarem unidas contra os abusos, descasos e omissões do Governo do Estado, fazendo uma comparação, inclusive, da atual gestão de Ricardo Coutinho com a administração dos mandatos do ex-governador José Maranhão, mostrando, claramente que o atual governador apenas tem dado continuidade as obras e aos projetos deixados pelo PMDB. Gervazinho destacou, ainda, a importância e a alegria de estar ao lado de Manoel Júnior no comando do novo Diretório da Sigla na Cidade de João Pessoa, em formação, referendando, inclusive, o desprendimento de ter declinado da pretensão de presidir a Sigla, exatamente, para manter a unidade partridária e porque sabe da "capacidade que Manoel Júnior  tem não somente para dirigir admnistrativamente e politicamente o partido em nível municipal, mas, também, porque conhece a maneira democrática e republicana  de agir do parlamentar federal  na defesa do projeto político e do estatuto partidário da Sigla no EStado da Paraíba e no Brasil". Gervazinho, inclusive, parabenizou o Vereador João Almeida pela altivez de estar presente ao encontro referendando o desejo da maioria dos peemedebistas de João Pessoa que apontam Manoel Júnior como a liderança central para defender os destinos da sigla no próximo biênio".

No seu discurso, o Vereador João Almeida denotou o desejo de num "futuro bem próximo" dirigir honrosamente o PMDB em João Pessoa, mas, sem açodamento. Disse ainda, João Almeida: "jamais eu atropelaria o projeto apontado pela maioria dos suplentes de vereadores do partido, do meu colega na Câmara Municipal  - Fernando Milanês -, e da grande maioria das lideranças de base e de proa do do PMDB, na Capital, que desejam claramente ver Manoel Júnior a frente dos destino do Diretório Municipal. Dsejo boa sorte a Manoel Júnior nessa nova missão e me coloco a sua disposição para defender as cores do partido fora e dentro da Câmara Municiipal". O parlamentar, inclusive, disse taxativamente, que estava à disposição de Manoel Júnior para apoiá-lo nessa nova missão partidária e que a partir de agora acatará "todas as que "as decisões a serem tomadas pelo partido através do novo comandante Manoel Júnior, serão seguidas por mim na Casa de Napoleão Laureano".

O Ex-prefeito de Campina Grande Veneziano Vital se fez presente durante todo o evento e, como sempre, proferiu um discurso firme, embasado em dados atuais sobre o descaso existente no governo do estado para com as ações de interesse coletivo no estado da Paraíba, fez a defesa peculiar sobre a necessidade da continuidade da unidade no partido não somente como estava acontecendo em João Pessoa, mas, também, de igual forma, em todos os demais 222 municipios, evidenciou a sua lealdade ao estatuto e aos inúmeros projetos administrativos/políticos espalhados pelos quatro quadrantes da Paraíba, mostrando a importância das ações estruturantes aprontadas e deixadas pelo ex-governador José Maranhão e apresentou-se como um soldado atento do PMDB, conclamando aos líderes presentes a "formatação de um projeto uníssono e contemporâneo para a mudança de hábitos administrativos no governo que verdadeiramente possibilitem o desenvolvimento do Estado da Paraíba. Veneziano, inclusive, fez questão de parabenizar e desejar bastante sorte ao amigo Manoel Júnior em razão da nova missão partidária do parlamentar, apontando que o considera "como um irmão e como uma das novas promessas viáveis do PMDB para quaisquer projetos administrativos e políticos da Sigla em razão de sua densidade eleitoral, da experiência acumulada no decorrer da vida pública, da ética parlamentar peculiar, de sua luta em favor dos interesses legítimos do povo paraibano, da inteligência e criatividade para agir em momentos difíceis no âmbito partidário, sempre buscando saídas meritosas e pacíficas para não aprofundar debates pejorativos que provocam as crises tão peculiares em outras siglas e, pelas posições firmes em defesa dos interesses de todos os peemedebistas".

Toda a equipe de assessores e de colaboradores do escritório de Manoel Júnior - Loredana, Cláudia, Elaine, Ailton Filho e Giovanna Lacerda, ajudaram na organização do primeiro encontro peemedebista - 1ª Reunião da Diretoria Provisória.

*Redação ACL - Im.: Arthur Cavalcanti

Causou Impacto

Ant Prox